terça-feira, março 04, 2008

Estamos sós?


Leio e releio
Interpreto, assimilo
Desconheço este espaço
Beira-mar plantado
Feitos heróicos
Olho a morte de viés
Imagem próxima
Demasiado

A noite encantatória
É abismo
Violência
Agora…
O dia… abrigo…

Depois do fascínio
Vem o medo
O medo que iludo
Na obliquidade
Do refúgio.


(Foto: (Foto: Maria José Amorim)

14 Comentários:

Blogger Marta disse...

O medo está sempre presente...
Essa incerteza...
Sós??? Não sei...
Interessante como sempre o teu texto, Ant...
Obrigada pela visita ao meu...
Beijos e abraços
Marta

1:36 da tarde  
Blogger Meg disse...

E parece-me que isto é apenas o começo.
Portque a morte anda à solta na sua forma mais violenta e ignóbil.

E já não é só a noite que a traz... qualquer hora lhe serve, nem lugar já tem, já todos os locais são de risco...

Assustador, tão mais assustador quanto mais "tranquila" e a intervenção do ministro... não há vergonha.

Olha, foi esta a reacção que o teu poema ME FEZ SENTIR.

Bonito, mas cheio de pessimismo.
COMO NÂO?

2:38 da manhã  
Blogger _aifos_ disse...

Tenho passado aqui... mas ando sem muita inspiração!

7:43 da tarde  
Blogger herético disse...

estamos a iludir muito medos. sem dúvida.

mas o medo é "um tigre de papel"..

gostei muito. abraços

8:10 da tarde  
Blogger Marta disse...

Olá...
Foi aqui que encomendaram?

|““““““““““““““““““““““““||_
|...............*AMOR*...........|||“|““__
|________________ _ |||_|___|)
!(@)“(@)““““**!(@)(@)***!(@)““

|““““““““““““““““““““““““||_
|............*CARINHO*.........|||“|““_
|________________ _ |||_|___|)
!(@)“(@)““““**!(@)(@)***!(@)““

|““““““““““““““““““““““““||_
|............*ALEGRIA*.........|||“|““__
|________________ _ |||_|___|)
!(@)“(@)““““**!(@)(@)***!(@)““

|““““““““““““““““““““““““||_
|............*AMIZADE*.........|||“|““_
|________________ _ |||_|___|)
!(@)“(@)““““**!(@)(@)***!(@)““

|““““““““““““““““““““““““||_
|........*FELICIDADE*.......|||“|““__
|________________ _ |||_|___|)
!(@)“(@)““““**!(@)(@)***!(@)

Entrega feita!
Participa na campanha FAZ UM AMIGO FELIZ!!!
Manda esta encomenda p/ todos os teus amigos.
Não a reenvies para quem ta enviou........
Vou fazer outra entrega ...fuiiiiiiiiiiii

9:41 da manhã  
Blogger Peter disse...

Olá ANT!

Como é que querem que o "Povão" ande satisfeito?
Né?

Ainda o que vale são os concertos, para desanuviar.

Abraço amigo

10:27 da manhã  
Blogger alice disse...

Boa tarde. Desculpe o comentário. Venho informar que o link do post do Piano ("de acordes especiais") tem um poema de Isabel Mendes Ferreira. Agradeço a sua leitura.

5:08 da tarde  
Blogger As Sombras de Fim do Dia disse...

Medo? pois, muito! Texto fantástico. Um bocadinho... diferente.

Beijinhos e bom wk

3:23 da tarde  
Blogger herético disse...

abraços

11:25 da tarde  
Blogger Teresa Durães disse...

a atração plo abismo faz parte dos nossos medos

3:12 da tarde  
Blogger as velas ardem ate ao fim disse...

Como dizem mais vale só que mal acompanhado.Cada vez penso mais assim.

fantastico texto Ant.
bjo

7:08 da tarde  
Blogger alice disse...

desculpe a demora, recebi e gostei do seu comentário, obrigada e um beijinho.

11:18 da manhã  
Blogger Lord of Erewhon disse...

Belo poema.

P. S. Yes? Até me arrepiei quando começou a tocar! - «Soon» é um dos melhores temas de todo o rock - hippie - progressivo.

2:05 da manhã  
Blogger isabel mendes ferreira disse...

estamos. estamos sós!




sempre!




.


beijo. acompanhado.

9:48 da tarde  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial