terça-feira, janeiro 29, 2008

(…)…

Ando longe,
Pelas vielas de parcos sorrisos
Esgoto-me
Destilo-me








Abraço a corrida
A fuga ao rio e às ondas agrestes
Perco-me
Exilo-me




Parcas palavras
Que o tempo é de silêncio, d’ouro,
Ficam as (…)
O tempo
O tempo…




Linko-me às realidades, umas...


(Imagem: Pedro Sacadura)

10 Comentários:

Blogger Jotabê disse...

andas então em poupanças...

poupar nas palavras é carregar a alma, mas como tu mesmo dizes o "silencio é d'ouro", mantém-te calado, estás aqui estás rico.

:)

aquele abraço

ps, e vai gozando esse silêncio e serenidade, está aqui está-se a acabar

:|

4:52 da tarde  
Blogger herético disse...

o melhor fica por dizer (ou entre parênteses). o silêncio e de oiro. tens razão...

abraços

9:31 da tarde  
Blogger carpe vitam! disse...

vivências, memórias? o desejo absurdo de completar tudo?

9:20 da manhã  
Blogger as velas ardem ate ao fim disse...

O silencio às vezes cai bem...

bjo Antonio

9:25 da manhã  
Blogger isabel mendes ferreira disse...

tb.


cada ves mais.



longe.


ao longe.


e tão ben que dedilhas esta "distância".




beijo-Te.

6:28 da tarde  
Blogger Marta disse...

Ficamos, então em silêncio...
Às vezes, nada mais há a dizer...
Distante e sem estar distante...
Lindo...
Beijos e abraços
Marta

10:24 da manhã  
Blogger isabel mendes ferreira disse...

Ant...
ke horror....
vinha dizer.te um até breve...e encontro-me ali em cima cheia de gralhas...

desculpa...

Errata:"vez" e "bem"....

enfim..
saio. "envergonhada".

mas deixo o beij________________o.

11:36 da tarde  
Blogger As Sombras de Fim do Dia disse...

E quantas vezes no silêncio, se diz tanto ou mais, do que em frases articuladas?

Gostei.

3:24 da tarde  
Blogger greentea disse...

é isso ...
o tempo faz-nos linkar às realidades !

um abraço

9:22 da manhã  
Blogger Outonodesconhecido disse...

perde-te mas de forma a que te possas reencontrar. É assim a vida. Boa noite

10:01 da tarde  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial