terça-feira, outubro 24, 2006

O Verbo…

“No princípio era o Verbo…”

Um ano que passou rápido, rápido.
Entre palavras inspiradas, outras nem tanto.
Comoções, iras, intervenção, sei lá…
E vocês vieram, ficaram, partiram. Deixaram marcas. Sempre.
Até os anónimos. Que não permitem respostas, interacções. Paciência.
Todos.

Há seis meses quis deixar nomes, hoje deixo as palavras, algumas, poucas, mais do que será suportável ler, menos do que desejaria.
Para alguns nada mais que palavras, para outros mais qualquer coisa, a intenção, o sentido.

Afinal, como no princípio, o princípio é o Verbo.
Reconheço-me em cada reflexo, no brilho do piscar de olhos… dos nossos...

Sem nomes. Desordenados…
Apenas e só o Verbo…

Divirtam-se... também é para isso que cá estamos, não é?

Este espaço é teu, vive-o... bom começo...

Dançar e exorcizar a preguiça, o frio e as dores da vida. Adoro dançar, está no sangue brasileiríssimo!!Abraçosss

Não sei se já reparaste, mas aqui neste cantinho há beira-mar plantado há uma síndrome que assola todos aqueles que têm abaixo deles alguém sobre o qual podem exercer o mínimo de poder, mesmo que seja tão pequeno que se torne ridículo. Até mesmo pessoas amigas que admiramos, abrem um negócio ou vestem uma farda e deixam-se rapidamente apanhar pela epidemia. Bem-aventurados os que desse triste destino conseguem escapar pois terão ganho o verdadeiro respeito dos seus subordinados.

Não há escolha possível. Somos definitivamente prisioneiros. Ao contrário do que dizia Sartre, não estamos condenados à liberdade, mas à prisão. Beijos

Não temos de deixar de ser quem somos, por cobardia ou só porque sim.

what the f***? Isto dá-te mtas vezes?Será que sou o único burro aqui?Man, tive de ler 3 vezes pra perceber a coisa!Se continuas assim, passo a ir ao Blog do Pacheco Pereira!

O problema do fingimento é correr-se o risco de começar a acreditar que a realidade é justamente o que se finge.Boa noite.

olha, se alguem vela ou não por mim, não tens nada com isso!!!!!!!!!! Além do mais enquanto durmo estou sempre em alerta, porque o meu filho pode acordar..., e o meu anjo também descansa. Bj no coração


Ah... Espectacular... A Davindson... claro... o texto... ah o texto... estava giro... ah mas a Davindson.... fiquei apaixonada... ;)

Uma música sobre um corpo como o da imagem fazem qualquer um Mozart!E nem queria intervalos! Gostei! Vou voltar!Saudações!

Embora às vezes aconteça que no intervalo só se prolongue o silêncio. Aquele que nos permite bater palmas de pé para mais um 'encore'. Beijo meu

Pois é amigo, deixa de saltar de cor em cor, e agarra mas é o pote todo, vais ver que algumas cores se misturam, mas a tua vida será concerteza mais colorida.Abraço

It seems to me that after all the small village of Gauls are still very much alive. Eh! Eh!Romans watch out!Nice picture dude.

O telefone toca e ninguém atende....Ring, ring...

Já somos dois, mas existiu uma altura em que eu pensei que tinha encontrado... mas afinal foi mentira.Tenho apenas o juizo que preciso para viver bem em sociedade, agora deixem-me ser um pouco criança!

e assim liberto.megostei de lerjocas maradas

O poema está beloUm abraço amigo :) do Porto a Lisboa

hmmmm, sabes, Ant, deixaste-me a pensar... no vago, entendes, como se olhasse para algo, mas olhasse através dessa coisa, não sei porquê... um beijo

Albert Camus diz que segundos influenciam, modificam, alteram as nossas vidas. E um só olhar dão-nos horas, dias, para ter com que relembrar, recordar, sonhar.
O sorriso transformou-se num sonho realizado.Belo poema.

Quando "ele" sorri leva-me para bem longe do medo e para perto da esperança mas não sei se ele sorri para mim...

Anch' incrível que ninguém tenha falado na beleza daquele rabinho da fotografia. Será porque se trata de um rabinho virtual ou porque o teu saborosíssimo texto inibiu os impulsos visuais da malta ?ih ih

Olá Ant. Excelente texto. Adorei e fartei-me de rir com a tua ironia perante uma virtual realidade.Um bjo e uma flor

lololololol este blog está a descambar!!!!! E era tão sério!!!!!!!!!!

a experiência de guerra é terrivel e deixa marcas. os encontros de militares funciona como um "exorcismo".

"Nao e'", certamente ("um drama"!...).....................................Ando lendo e vendo!

Qual diabo... louco e desejoso...

...em passos leves me aproximo... silêncio... ... ...silêncio.

Vou te dizer uma coisa baixinho...em tom de segredo. O silêncio para mim é barulhento...
inspiradamente....:)

What really piss me off is the idea of him using my robe and slippers.

Engraçado, também faço ao mesmo.Converso com o empregado do café, e não me preocupo nada se o patrão está ou não distraído.Quanto à sereia, posso transformar-me numa e tentar seduzir o Poseidon. Presunção minha, já sei, mas brincar com os amigos está sempre na ordem do dia.Beijos e abraços

solidão é antónimo de felicidade?

A solidão também pode ser uma pausa para a reflexão... para o encontro do "eu" da cada um!

Gosto da boca que conta segredos.

O tempo perpetua os amores e as amizades constantes.Singelo abraço para tí!
hmmm, hoje fico me pelas onomatopeias... hmmm, hmmm, hmmm....

A musica é como o vento...tem o condão de nos levar em mil direcções...depende do dia e do estado de espirito.

Não gosto nada de perder tempo a escrever sms. Continuo a manter o gosto pela voz, em vez de palavras escritas sem calor e sem vida.Bj doce :-)

"deixar para outra vida"..dizer que "é impossível" ou que "o mundo não deixa" ou "não é o tempo nem a hora certa"......é simplesmente fugir com um pouco mais de elegância literária.

basta permanecer na luz e tudo será mais fácil.viver apenas. beijo

Apenas me ficaria pela primeira estrofe...
Caramba, não consigo passar da 1ª estrofe!!!
Raios! Não consigo mesmo!

E que tal se falássemos de algo mais alegre?!Amigos vamos mudar?Beijos


Dores reais.Sonhos reaisTempo real.Presenças reais.

As certezas assustam-me... prefiro as coisas reais... e a realidade são fragmentos incertos...

De certeza que os jogos terminaram? Daqui a pouco estão a chamar "César, César" outra vez!

è bom continuar a subir...a subir...sempre! Custa, mas é bom!
"Guerras" será sempre um conflito de interesses e não de pessoas. Pena os ditos instigadores delas não estarem na linha da frente.

sinceramente, já n tenho c... p este assunto.Beijo

a voz, os olhos, os encontros..e a coragem está sempre lá, mesmo que escondida - e basta apenas uma brisa para se soltar...

O código e a mensagem são os mesmos, o canal é outro, usa-se como se pode... Sussurremos as palavras, falemos ou escrevamos, o valor é apenas aquele que têm... palavras, leva-as o vento...

Se tens tanta necessidade de voz, agarras no telefone, ligas e gastas tu o €€€. Não te parece?

Só imaginar o som do piano, oásis tranquilo no meio do caos de Lisboa, já provoca um sorriso. :)**

concordo inteiramente, single malt, Lagavulin, Talisker ou Oban, com mais 12 anos....

quando sais do ódio????

O amor é uma treta :)n'exist pas...beijos

Devias ter perdido a lucidez... às vezes não faz mal nenhum!!!

Ao longo dos séculos a mulher sempre foi retratada desse modo.Curioso que em muitas igrejas (fora das cidades) ainda há padres que dão as suas homilias desse modo.Ai Ant! Não sei se te perdoo esta...

IUPIIIIIIIIIIIII!!!!

Conta-me cá o que tu andas a fazer numa praia ao pôr-do-sol?! Rica vida... :) Beijoca

Nesse dia... estava lá, umas 'praias' ao lado... :)
...Há uma 'paz' em Setembro que me agrada. Como se a Natureza (nós, incluídos) fizesse uma pausa para saborear cada cor, cada odor, cada instante, cada som de vaga ...(de)vaga(r). Com um ritmo mais lento... 'moderato'. Sabe tão bem!Quem se sente um pouco de mar (como eu) entende do que falo... Abraço de vento, Ant!

Já em pequeno eras feioso. Andarem atrás de ti? Só se for as paspalhas sem o que fazer. Iludidas pelas palavras.

Ah seu castiço!!!!Dá cá um beijo!!!

Normalmente costumavam tirar fotos aos bebés todos nus e deitadinhos numa almofada vermelha.Agora estou a ver o motivo por que classificaram o n/blog de erótico.LOL

Olá Ant. Muita realidade tem este teu post :). Contudo, um senão existe, pois muitos há que a fama não procuram, mas a dádiva e a partilha. Adorei a maneira como o terminas.Um bjinho e uma flor

belo paradigma. sim senhor
Há tanta forma de se pedir desculpa...mas tão poucas de apagar a mágoa nos outros!
Capacidade de perdoar, urgente!!!

que seria dos bons, sem os maus?...abraços

Fizeste-nos chegar a consciência de mais uma das nossas realidades. Eu pessoalmente não dou grande a este tipo de diferença, más ou bons, tenho por experiência que uma que hoje é boa amanha transformou-se numa má, por isso para que confiar? para que ter desilusão?


A chamada Conversa da Treta. Back from London

Não querendo ser pretensioso, eu tenho algumas certezas, não muitas, mas tenho.Abraço


A quem o dizes...A certeza de que as únicas certezas são:nascer e morrer........O resto - nada, nicles...Beijos e abraços


Pois... a maior certeza da vida é essa mesmo... não há certezas de nada!!!! BJokas

Pois, o Socrates disse o mesmo e acabou com sicuta!!! Mas tinha toda a razão!!!Saudações infernais!!!

Giro... mas, repara, há 3 décadas que se pensa assim... Portugal continua na mesma... e o mundo piorou (quiçá Portugal também).

eu estou desalinhada. ou sou desalinhada. ou cansada. sei lá. não fundamentalista. muito cansada, apenas.decadente não. eu escolho ser eu mesma. cansada, alegre, triste. agora só cansada.bj.

a memoria é de facto a melhor gaveta que conheço...um beijo

gostei daquela la de cima..dos canticos dos canticos...ta bonito pa se dizer a uma rapariga...vou ja dize-la!
«Há um tempo para correr, um tempo para calçar chinelos, um tempo para reiniciar a viagem.»
Não é necesário compreender ou atribuir um sentido a cada dia.Há quem lhe chame resignação, mas eu acho que é a melhor forma de levar a vida...Fazer de cada dia um pedaço próprio, inserido num todo que faz sentido.


a memoria é de facto a melhor gaveta que conheço...um beijo

Limite da impossível utopia...
..Seja impossível.Seja utopia.Mas... Limite?

É possível afastar a dor tranquilamente? ena! É óbvio que tenho muito para aprender...

Hoje acordei muito cedo e ainda meia sonolenta, dentro da terra, mãe de agua, pensei: Militante da não desistência...até quando?Um beijo azul

Que grande sensação de liberdade na foto...

o sr ant, gosta mt de poesia, ainda bem!

acho bem que abras. Tu sabes.

Deixas a porta aberta para a gente, por favor? Parabéns, está lindo, este poema.

é um post?...

É chegar ao fim de te ler e sorrir...mesmo sem te conhecer...
nunca deixes de postar.

um desafioum recadoum abraçouma intençãoou nada.a simples ideia.a escrita que se procura.um post.a porta que abre ou o silêncio ou a confusão.

a pior solidão é a acompanhada, por isso um dia decidi ser livre.

curioso, curioso...é o título dum poema tão 'seguro' ter um ponto de interrogação e reticências.

Na falta de assunto parte para a acção homem.... por vezes até resulta... pk se muito boa gente abre a boca e não diz nada, muitas há que falam, sem sequer abrir a boca (risos)
"Feliz, talvez" e é essa incerteza que dói ainda mais, não é?

Também!Muito!Reflexo?

eu também gostava de ver a chuva a cair... eu a a chuva, sem o cigarro de preferência e sem a preocupação de ter de ir trabalhar no dia seguinte...

O que ah! agora que arrebitou, os outros têm azia!!! se não se importa, leia o seu post debaixo, e o outro, e o outro.obrigada pois então :P

à aventura...é com este espírito que devemos abrir um novo capítulo. SEMPRE! :D
AS VEZES TEMOS DE PARTIR;quando tinha 29 ou 30 anos tb parti, para outro continente outro pais outro mundo.Larguei tudo e fui ali muito feliz!


Chegaram até aqui?
Fantástico.

;))

Obrigado pela vossa presença.

Até já!!!



(Foto: Mais ainda? Hehehe)

19 Comentários:

Blogger Caiê disse...

Um ano, já? :) Temos velas, bolo e champagne? Não? OHHHHHH

Um abraço e continua.

2:56 da manhã  
Blogger Tita disse...

Para quando um livro?
Um beijo e Parabéns.

Miguita do Andar de Cima

9:41 da manhã  
Blogger Peter disse...

Cheguei até ao fim!
Longa vida ao blog. Destaco a seguinte frase:

"lololololol este blog está a descambar!!!!! E era tão sério!!!!!!!!!!"

Devia referir-se ao "conversas".

Tens de escrever lá mais ...

Abraço e boas "férias"

1:12 da tarde  
Blogger Teresa Durães disse...

Foi um ano???

(como é que eu comecei primeiro?)

reconheci algumas frases... ops...

CORTA!!!!

eheheheheheehh


parabéns então!!!

1:48 da tarde  
Blogger Teresa Durães disse...

p.s. ao fim de um ano não podias acertar o relógio do blog?

1:49 da tarde  
Blogger MARTA disse...

Um ano, Ant?
Não estou atrasada para as comemorações, pois não?
É que não estou bem e por isso, ando ao "ralenti".
Bom aniversário e continua a escrever textos admiráveis como este.
Beijos e abraços
Marta

2:47 da tarde  
Blogger Ant disse...

Ah conseguiram ler tudo? Divertido, não é?
As velas? Mais velas? Isso dava para muito tempo hehehe.
O livro? Bem... Quem sabe alguém vai querer editar algumas destas coisas.
As férias são sempre boas. Mesmo com chuva e nevoeiro. E eu até gosto de nevoeiro ;)

2:55 da tarde  
Blogger Ant disse...

p.s. e eu que pensava que o relógio estava certo... Bem que me tinhas chamado a atenção... opss
Deixa lá ver...

2:57 da tarde  
Blogger Heloisa B.P disse...

SIM, cheguei ATEº AQUI! ia'me perdendo no caminho, voltei atras, recomecei avancei, etc...E...OS ANOS PASSAM RAPIDO_MUITO RAPIDO_! Jaº agora, que no PROXIMO ANO estejamos AQUI OUTRA VEZ!

Vindo por AIº ABAIXO nessa "avalanche" de expressoes e emocoes, pensamentos e...
destaquei esta parte:

"a pior solidão é a acompanhada, por isso um dia decidi ser livre."

HAVERIA MUITO MAIS A DESTACAR, mas a dificuldade estava na escolha!
..................................Alem do prazer de O LER, vim desta vez, com o intuito primeiro de Lhe AGRADECER Palavras AMAVEIS no Heloisa.
Deixo um Abraco.
Heloisa
...........

4:02 da tarde  
Blogger Jotabê disse...

Pois, parabéns, que seja, aliás já tos tinha dado.
Cuidado com o nevoeiro, quando cerrado, turva-nos o olhar, e a intensidade com que se vive por lá, uma 'distorçãozinha' pode ser fatal. Fatal, naquele sentido, lato, do termo, fatal, ...zinho.

Abração, aquele que já sabes.

4:20 da tarde  
Blogger Choninha disse...

Repito-me:

O código e a mensagem são os mesmos, o canal é outro, usa-se como se pode... Sussurremos as palavras, falemos ou escrevamos, o valor é apenas aquele que têm... palavras, leva-as o vento...

e mesmo levada pelo vento, e pela chuva!, escrevo a palavra: Parabéns!



Venham mais bloguices!

4:41 da tarde  
Anonymous kikas disse...

1 ano?! isso é que é coragem, parabens a ti e a quem te acompanha, por isso tambem tou incluida ;)

5:43 da tarde  
Blogger Caçadora_de_sonhos disse...

Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

6:24 da tarde  
Blogger Caçadora_de_sonhos disse...

E é assim...passou um ano.
Um ano em que partilhaste connosco coisas boas e menos boas...que deste a conhecer um pouco de ti e que conheceste um pouco de nós.
PARABÉNS por um ano de partilha, de companhia e de amizade.

6:24 da tarde  
Blogger Mendes Ferreira disse...

eu sou loura...logo muito burra....:)))) explica.me...please...




beijos...

7:03 da tarde  
Blogger amita I disse...

Pois é, Ant, cheguei aqui, ali, acolá... sim!, onde dizes "fantástico" e um pouco mais abaixo e... sorri contigo. :)
Parabéns,Ant, por dois motivos:
- Pela postagem muito interessante e inovadora
-Por completares um aninho e já correres sozinho pelo espaço das letras (e muito bem, por sinal).
Um bjinho e que muitos mais se repitam

9:48 da tarde  
Blogger os membros associados disse...

Eu sou nova nestas coisas mas já ouvi falar do amplificador. Parabéns.

Vitória

10:24 da tarde  
Blogger Ant disse...

Um dia destes vou mesmo postar comentários. E porquê? Porque o amplificador, administrado pelo Ant... hehehe... existe porque as palavras não são levadas pelo vento, são guardadas em lugar seguro.
Por isso é um sítio de partilha, sim, mas também de alguma discussão.
Bem vindos os novos.
Os que já vão aparecendo sabem que é bom tê-los por cá.

As coisas que se aprendem por aqui.
Um abraço extensível a quem vier a seguir.

Obrigado por estarem por aí.

10:19 da manhã  
Blogger _aifos_ disse...

Brinde-se!
A estas e muitas outras palavras! :)

9:28 da tarde  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial