quinta-feira, novembro 17, 2005

UIVO

MÁSCARA DE TERROR
ANSIEDADE, TURPOR.
A CORRIDA INCESSANTE
ENTRE O CAIS E A CIDADE.
E O UIVO,
ACIMA DE TODOS OS GRITOS
MAIS ALTO QUE O RUÍDO
DAS RODAS E DOS PÉS,
E DOS LAMENTOS.

NÃO É CRIANÇA A NASCER
NEM GATO A MORRER
NEM PREGÃO A VENDER.
É O UIVO.
NÃO É MÃE A CHAMAR
NEM PAI A BATER
- OU VICE-VERSA-
NEM FILHO A CLAMAR.
NÃO É PUTA
A SEDUZIR QUEM PASSA
OU O CHULO A RECEBER
NÃO É PRESA NEM CAÇA.

NÃO É TERRAMOTO
NEM INUNDAÇÃO,
MAREMOTO.
TAMBÉM NÃO É
IMAGINAÇÃO.
É O UIVO.
NÃO É LOBO
NÃO É CÃO
NÃO É CIO
NÃO É FRIO.
TAMBÉM NÃO É GENTE
A MORRER EM CONFUSÃO.
POR MAIS QUE TENTE
NÃO É EJACULAÇÃO.
OU O QUE QUER QUE SEJA
QUE EU CONHEÇA.


Descaradamente inspirado em Allen Ginsberg

3 Comentários:

Blogger Tere disse...

Dassss não sabes quem é??? É a mãe a chamar sim senhor, a chamar alto e a bom som pelo OBIQUEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEELOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO.... hehehe

4:53 da tarde  
Blogger Ant disse...

hehehe. Mas...mas... Obiquelo?

Dasss outra vez

10:20 da tarde  
Blogger Tere disse...

hehehehehe..... Bjokas

9:09 da manhã  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial