terça-feira, novembro 29, 2005

Não chegavam até mim

Sabia que era tarde
Mas não tanto como é.
Já se queimou o tempo
E adormeci de pé.

Sabia que era longe
Mas não tanto assim.
Já parti em viagem
E não lhe vejo o fim.

Já tinha visto a noite
Mas não como a vejo.
Tinha sido enganado
Pelas asas do desejo.

Já tinha ouvido gritos
Mas não como hoje ouvi.
Dantes pareciam poucos,

Não chegavam até mim.

4 Comentários:

Blogger Tere disse...

Desperdiçamos muita vida por adormecer de pé... por kerer ver o fim... por verer ver claramente tudo... por muitas coisas deixarmos de ouvir...
Mas somos assim seres pouco previligiados... Bjokas

3:40 da tarde  
Blogger Ant disse...

Huum... mas qures acordar ou dormir para sempre?

3:48 da tarde  
Blogger Tere disse...

Isso agora.... Neste momento em que paro um pouco para relaxar do trabalho que ainda vai a meio... acho k keria dormir... mas ao mesmo tempo um abanão para acordar para outras coisas se calhar não me fazia mal nenhum... hehehe

5:16 da tarde  
Blogger Ant disse...

Linda menina
BJJS

5:30 da tarde  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial