quinta-feira, outubro 27, 2005

O Medo

O meu maior medo é o de acordar sozinho.
Detesto ter medo.
Mas o pavor de perder faz com que vá abandonando.
E nestes abandonos vai ficando e cristalizando a culpa de não ter sido capaz de não ter medo.

Tenho medo da fome. Tenho medo de não estar à altura do que propus e que vai ficando adiado.

E vou adiando a morte do medo.

2 Comentários:

Blogger Tere disse...

Totalmente de acordo... o medo de falhar, o medo de perder, o medo de todos os cenários pessimistas possíveis ocorrerem...

6:53 da tarde  
Blogger Ant disse...

Pois é Tere, a solidão, aquele sentimento assustador... mas que se pode vencer.

10:49 da tarde  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial